Vinho brasileiro é bom?

  O Sul do nosso país tem produzido espumantes premiados aqui e no exterior, inclusive na França. Ano passado, no concurso francês Muscats du Monde 2016, o espumante Pietro Felice Moscatel – Irmãos Molon e o espumante moscatel da Casa Valduga receberam medalha de ouro.

  Embora o espumante brasileiro tenha destaque internacional, tenho me surpreendido com os vinhos brasileiros tranquilos, ou seja, os não espumantes. Durante um teste cego na Wine Spirit and Trust, eu nunca poderia dizer que aqueles dois vinhos que eu estava provando eram brasileiros. Provei o Pizzato Chardonnay e o Pizzato Legno Chardonnay, cuja a diferença é que o segundo passa por barricas de carvalho por 8 meses. Estes vinhos já receberam diversos prêmios no Brasil e boas pontuações. O Pizzato Chardonnay ganhou o concurso de melhor branco do Vale dos Vinhedos e também foi selecionado para a classe executiva da companhia aérea KLM em 2014. O Pizzato Legado Chardonnay recebeu 91 PONTOS no Guia ADEGA Vinhos do Brasil 2016/2017 com a safra 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *